iPhone Xs, iPhone Xs Max, iPhone Xr e Apple Watch 4: conheça a linha 2018/2019 da Apple

iPhone Xs e iPhone Xs Max

A Apple apresentou em seu keynote anual ontem em Cupertino, Califórnia os novos iPhone Xs e Xs Max, o iPhone Xr e o Apple Watch Series 4, que formam a sua nova linha para o próximo ano. A nova leva de iPhones pode ser definida como uma resposta ao grande sucesso de vendas do iPhone X no ano passado, pois o design com tela infinita e notch dominou totalmente a linha, desde o modelo de entrada Xr (preços a partir de US$ 749, lá fora) até o iPhone Xs (US$ 999) e o seu irmão maior, o Xs Max (US$ 1099).

iPhone Xs

O iPhone Xs (foto acima) segue com a tela AMOLED de 5,8″ do X, mas o iPhone Xs Max tem uma OLED de 6,5″, a maior já colocada em um iPhone. Pra você ter uma ideia, ele tem o mesmo tamanho de um iPhone 8 Plus, mas com uma tela bem maior (6,5″ contra 5,5″). Já o Xr tem tela de 6,1″, mas não é OLED, e sim LCD. A Apple garante que as câmeras dos novos iPhones estão muito melhores do que antes, e o iPhone Xs e o Xs Max têm duas de 12 megapixels, uma com abertura f/1.8 e a outra com abertura f/2.4. O Xr, tem apenas a de 12 megapixels. Todos são resistentes à água, o Xr com certificação IP67 e o Xs e Xs Max com IP68.

iPhone Xr

Com o novo design, também veio uma triste despedida, desde ontem subiu no telhado o TouchID, um recurso tão amado pelos usuários, mas que a Apple não se incomodou em deixar de fora dos novos produtos, todos equipados com o FaceID da linha X. Só não digo que sepultaram de vez o TouchID pois ele ainda está no iPhone 7 e 7 Plus e 8 e 8 Plus, que a Apple vai seguir vendendo a preços mais acessíveis em relação aos novos iPhones Xs, Xs Max e Xr (foto acima). Eu sei que não vai acontecer nunca, mas bem que a Apple poderia colocar o TouchID na parte de trás, pois o leitor biométrico é um recurso que eu pelo menos sinto falta em qualquer aparelho que use.

Não faz sentido reclamar de falta de novidades, pois esta já é uma tradição da Apple faz tempo, ano sim, ano não, as mudanças são mais internas do que externas. Falando na parte de dentro do aparelho, o que realmente faz fazer sentido a frase “vamos levar o iPhone X ao próximo nível” dita no evento pelo CEO da Apple, Tim Cook, é o novo processador A12 Bionic projetado pela Apple. Segundo a Apple, o novo A12 tem um desempenho até 15% mais rápido que o já incrível A11 da geração passada, o que mostra que a empresa de Cupertino não está de brincadeira.

Por mais que esta seja a mudança incremental dos anos com iPhones com final com a letra “s”, os novos smartphones certamente dominarão o mercado dos Estados Unidos pelo resto do ano e a maior parte de 2019, e irão vender muito no resto do mundo também, por mais caro que custem em certos países como o nosso.

Apple Watch Series 4

O Apple Watch Series 4 (a partir de US$ 399) tem o mesmo design do antigo, mas com uma tela maior com bordas menores. Ele tem um botão com feedback háptico, e a possibilidade de fazer uma eletrocardiograma bem básico no pulso do paciente usuário, com direito a chancela do FDA e também da America Heart Association.

Eu infelizmente não pude assistir ao vivo o keynote de Tim Cook e seus executivos e convidados, pois estava visitando a fábrica da Lenovo, mas assisti depois no site da Apple. Sobre a nomenclatura dos novos produtos da Apple, acho tanto o Xr quanto o Xs, e no caso do último, sinceramente não entendo eles optarem por Max ao invés de Plus, como já era tradicional em se tratando de iPhones, se bem que Xs Plus poderia soar meio estranho.

De qualquer forma, se o Tim Cook quiser, estou disponível no mercado e garanto que consigo fazer sugestões bem mais criativas para seus próximos lançamentos. 😉

E você, o que achou dos novos iPhone Xs, iPhone Xs Max, iPhone Xr e Apple Watch 4? Veja no GSM Arena um comparativo dos três modelos.

Saiba mais sobre os novos iPhones e o novo Apple Watch na Apple.

Atualização: Foram confirmados no dia 30/10 os preços dos novos iPhones no Brasil. Vamos a eles: iPhone Xr a partir de R$ 5.199, iPhone Xs desde de R$ 7.299 e iPhone Xs Max a partir de R$ 7.999. O modelo topo de linha do Xs Max com 512GB de capacidade sai por inalcançáveis R$ 9.999.

Autor: Nick Ellis

Blogueiro de tecnologia e viajante profissional. Geek do Ano 2010!

Compartilhe
/* Track outbound links in Google Analytics */