Um dia mágico em Taipei

templo_1

Estive em Taipei para a cobertura da Computex, e aproveitei para conhecer melhor a cidade, que já tinha visitado duas vezes antes. O plano era ir ao zoológico de Taipei, que completou 100 anos em 2014 e é um dos mais legais que já visitei na vida, para rever o panda e tentar conhecer o panda vermelho, que no ano passado estava tímido e não deu o ar da sua graça.

templo_3

Antes de ir ao zôo, resolvi pegar o bondinho para conhecer um templo budista que fica em cima da montanha, e do qual você pode descer em uma estação e visitar o zoológico de cima pra baixo, fazendo um percurso contrário ao que eu tinha feito no ano passado. O Chi Nan é um templo Taioista que foi fundado em 1822 e tem várias curiosidades, como a escadaria de 1000 degraus e uma sala com vários anjos da guarda, incluindo o seu, que você descobre através do ano do seu nascimento. Além do Taioismo, o templo também é Budista e Confucionista.

templo_2

Apesar de ser tão antigo, o templo é muito bem cuidado e está em constante renovação, durante a minha visita, tinha várias obras em andamento. Ao lado do templo, você encontra várias árvores de desejos, onde os visitantes depositam placas douradas com o seu pedido especial. Saindo do templo, pegamos novamente o bondinho e saltamos na estação do zoológico de Taipei.

Saiba mais sobre o templo Chi Nan.

taipei_zoo

Ele foi inaugurado durante a soberania japonesa em Taiwan, e a história curiosa é que ele não era um zoológico público, e sim um zôo particular de um próspero cidadão japonês. O local também era outro, mas foi mudado para o subúrbio de Muzha para oferecer maior espaço e conforto para os animais.

panda_gigante

A principal atração turística deste zôo é mesmo o prédio que serve de moradia para uma família de pandas gigantes, mas o resto do parque também merece uma visita cuidadosa. Se você estiver na cidade e quiser conhecer os pandas, a dica é nunca ir na primeira segunda-feira do mês, dias em que a sua área fica fechada para manutenção e cuidado.

red_panda

E o outro panda menor e menos famoso, mas não menos fofo? Apesar de não ser uma raposa, o red panda é o animal inspirou o simpático mascote do famoso browser. O curioso é que como os pandas vermelhos detestam o calor e o frio, o local onde ele fica no zôo conta com borrifadores de água na área aberta e ar condicionado na parte fechada. Assim como o panda gigante, o panda vermelho também corre risco de extinção.

Saiba mais sobre o zoológico de Taipei.

Você já conhece nossa categoria de viagens? Confira as nossas aventuras pelo mundo!

Autor: Nick Ellis

Compartilhe
/* Track outbound links in Google Analytics */