LG apresenta as suas armas no Digital Experience, incluindo G Flex, TVs Ultra HD 4K & TVs OLED com WebOS

Durante seu evento anual Digital Experience nesta semana, a LG apresentou seus lançamentos para 2014 em várias linhas de produtos. O principal motivo para eu ter viajado até o evento era conhecer melhor o G Flex, primeiro smartphone com tela curva do mercado, mas confesso que foram as SmartTVs OLED com WebOS que realmente encheram os meus olhos.

lg_digital_experience_gflex_2

G Flex

Vamos falar do G Flex primeiro. Eu já tinha visto o smartphone ao vivo na Campus Party, mas desta vez pude mexer um pouco mais com ele. A impressão inicial de que ele é um aparelho gigante continua, mas tela OLED tem uma curva bem interessante, e me agradou a forma como ele se encaixa bem tanto no rosto quanto no bolso da frente. A tarefa de encaixar um aparelho com tela de 6 polegadas no bolso não é das mais fáceis, mas com o seu suave ângulo, o G Flex chega lá.

Assim com o G2 e o G Pad, o G Flex conta com o botão Smart Button, localizado no meio da traseira do smartphone, onde é possível ligar o aparelho, tirar fotos ou aumentar ou diminuir o volume do áudio. Apesar da LG dizer que o G Flex tem “um certo nível de flexibilidade”, minha recomendação para quem for comprar o aparelho é que nunca coloque isto à prova. Caso você fique forçando a flexibilidade do smartphone, pequenas bolhas vão aparecer na tela, assim a brincadeira de apoiar o G Flex na mesa e empurrá-lo é algo que deve ser evitado a todos os custos.

lg_digital_experience_gflex_1

Outra função mutante do G Flex que ainda não tive a chance de testar é a capa com Self Healing, tecnologia que “regenera” pequenos arranhões na parte de trás do aparelho. Sobre isto eu só vou poder dar o meu veredicto final depois que fizermos um review completo do Flex aqui na redação do DD.

Por dentro, o G Flex é idêntico ao G2, com processador Snapdragon 800 de 2.26GHz. O G Flex também tem uma câmera traseira de 13 megapixels com HDR e uma câmera frontal de 2.1 megapixels que certamente fará a alegria dos que não vivem sem tirar uma selfie. Pesando os prós e os contras, gostei muito do G Flex, mas ainda falta falar de um pequeno grande detalhe, o preço.

O preço oficial é bem salgado, mas o aparelho é realmente impressionante. Clique aqui para comprar o G Flex no Submarino com um ótimo desconto, válido para pagamentos em boleto.

lg_digital_experience_l80_nexus5

A LG também tem outros celulares que parecem ter sido feitos sob medida para o nosso mercado, como o L80, que tem tela de 5” e TV digital, além de entrada para dois chips SIM. Quem chamou a atenção no evento foi uma versão vermelha do Nexus 5, um smartphone que eu gosto muito, embora ainda não tenha feito um review. O G2 Mini tem 2 versões, uma 4G e outra 3G, com diferenças de processadores.

Knock On e Knock Code

Um dos diferenciais interessantes da LG é o recurso Knock On, que permite que você ative a tela com dois simples toques. O conceito foi evoluído com o Knock Code, que permite combinações feitas com 2 a 8 toques em determinados pontos da tela, e que estará disponível no G2 e no G Flex através de um update que deve sair em breve.

lg_digital_experience_tvs_oled

TVs OLED Gallery e OLED Curva

Os destaques das TVs da LG no Digital Experience foram as TVs com tecnologia OLED, onde os pixels são iluminados individualmente, o que resulta em um contraste realmente impressionante.

A OLED Gallery é uma TV de 55” que tem uma moldura em forma de quadro bem interessante, incluindo caixas de som transparentes. Ela também é 3D e conta com os recursos SmartTV. A OLED Curved é ainda mais interessante, mas custa a mesma coisa no modelo de 55”. No segundo semestre, deve ganhar a companhia de uma versão de 77”.

lg_digital_experience_ultrahd_4k

 TVs Ultra HD 4K

O que realmente chama a atenção são as TVs Ultra HD 4K, que terão modelos para todos os gostos, com tamanhos de 49 a 84” polegadas. As primeiras a chegarem em maio são as versões 49” e 55”, que poderão ser usadas para assistir a Copa do Mundo. As outras, só no segundo semestre. Como acontece qualquer TV 4K hoje em dia, o conteúdo produzido na resolução é escasso, mas elas contam com o recurso de upscaling.

SmartTVs com WebOS

A LG também apresentou outras TVs LED, com modelos de 32 a 49”. Todas novas TVs da nova linha rodam o sistema WebOS e terão o controle remoto Smart Magic, menos o modelo mais básico. Como o velho sistema da Palm oferece uma navegação intuitiva e bem fácil, com uma curva de aprendizado praticamente inexistente, o WebOS fazer a diferença para aquelas pessoas que nunca conseguiram usar os recursos de SmartTV antes, por não saberem sequer do que se trata.

Com o WebOS, você tem camadas de conteúdo, incluindo a TV e a internet de forma independente. Na função futebol, você pode conferir informações da Internet em cima da transmissão da TV, com conteúdo é produzido pelo UOL e adaptado para as SmartTVs. Testei o canal do Netflix e gostei muito da navegação.

lg_digital_experience_all-in-one_ultrapc

All-in-One e Ultrabook

Os computadores All-in-One tem versões de 21, 23 e 27 polegadas, sendo que as duas últimas também oferecem a função de TV, se alguém quiser assistir TV no computador, o que definitivamente não é o meu caso. Todos contam com design simples e funcional.

A LG também mostrou o novo Ultra PC, que é mais leve (980 gramas) e conta com processador Intel Core i7. O ultrabook tem 13,6 mm de espessura, SSD de 128GB e tela IPS de 13,3”.

lg_digital_experience_monitor_ultrawide

Monitor UltraWide 21:9

Algo que realmente me agrada são os monitores UltraWide com formato 21:9, e que podem dividir a tela em até 4 diferentes seções. São dois modelos, com 21 e 29”, mas gostei mais ainda do que tem 34”, e ainda não tem previsão de chegada no Brasil. Além de vários outros monitores, a LG apresentou ainda telas para pontos de venda, incluindo uma tela transparente bem divertida para vending machines, e um videowall com borda ultra fina.

lg_digital_experience_slidepad_2

SlidePad II

O SlidePad ganhou uma nova versão, que tem uma grande melhora no mecanismo de abertura e fechamento, ponto fraco do primeiro modelo. Basta apertar um botão e pronto, e na hora de fechar, pode apertar ele sem o medo de quebrar da primeira versão. O novo SlidePad é mais leve, pesando 950 gramas, e mais potente, com processador Atom Quad-Core, e tem uma tela Full HD de 11,6” que é ótima para rodar o Windows 8.1. Os conectores na parte de trás continuam aparentes, mas desta vez isto não incomoda mais, pois o notebook/tablet parece ter uma construção mais sólida. O SlidePad II custa R$ 2.199.

lg_digital_experience_gpad

G Pad 8.3

Quem também chegou ao Brasil nesta leva de lançamentos foi o tablet G Pad 8.3, que conheci na IFA ano passado em Berlim, e que me agradou muito pelo seu formato intermediário e pela bela tela IPS. O tablet também usa o mesmo Smart Button da linha de smartphones da LG, mas ainda não testei o aparelho com calma para saber se funciona tão bem quanto no G2. Respondendo a uma pergunta que fiz sobre o lançamento do G Pad no Brasil, a proposta não é conquistar a liderança ou nem mesmo o segundo lugar, e sim deixar o tablet da LG funcionar como um cartão de visitas, para marcar presença no mercado e mostrar o seu potencial.

lg_digital_experience_xboom_artcool

Outros produtos

A LG também apresentou diversos outros produtos interessantes que me chamaram a atenção como o MicroSystem X-Boom Pro foi feito para DJs amadores que querem fazer a festa em casa. Ele também toca músicas do seu smartphone ou tablet, e tem um visual que imita uma mesa de DJ. O ar condicionado Art Cool Stylist tem uma iluminação LED colorida que pode ser usada para te acordar de forma bem tranquila.

Autor: Nick Ellis

Compartilhe
/* Track outbound links in Google Analytics */